Dang Gui

Radix Angelica Sinensis

Nome Farmacêutico:

Angelica sinensis (Oliv)Diels

Nome Comum:

Angélica chinesa

Parte utilizada:

Raiz

Propriedades:

Doce, amarga, picante e amornante

Locais de ação:

Baco, Fígado e coração

Texto em que apareceu pela primeira vez:

Matéria Médica Clássica do Esposo Divino

Ações e Indicações

Tonifica o Sangue e regula a menstruação: Para padrões de Deficiência de Sangue, com fadiga, palidez, palpitações, zumbido, visão turva. Indicada em casos de Deficiência de Sangue no Fígado, em mulheres com irregularidades menstruais, tensão pré-menstrual, cólicas menstruais, etc.

Tonifica e harmoniza o Sangue e dispersa Frio: Para padrões de Estagnação de Sangue com dor abdominal, dor e hematoma traumático. Particularmente indicada em casos de Estagnação de Sangue no Útero.

Umedece as fezes: Para constipação intestinal por Deficiência de Sangue, com constipação. Também usada para estagnação de Sangue no Intestino, com constipação severa, evacuação dolorosa.

Precauções e Contraindicações

Usar com cuidado em pacientes com diarréia ou distensão abdominal, por excesso de Umidade. Usar cuidadosamente em Deficiência do Yin com sinais de Calor.

Principais Componentes Químicos

Butylidene phthalide, ligustilide, n-butylidene-phthalide, sequiterpenes, carvacrol, anidridodihidroftálico, sacarose, B-sitosterol, vitamina-A, caroteno.

Pesquisa Clínica Farmacológica

Efeito no Útero: Radix Angelica Sinensis vem sendo estudada, desde 1920, em pesquisa laboratorial. Esta erva pode causar contração ou relaxamento do Útero. Outros estudos demonstraram que essa raiz faz com que as contrações uterinas tornem-se mais lentas e com ritmo mantido em mulheres menstruadas. Clinicamente, o decoto da erva causa alívio importante nas cólicas menstruais. Esta erva parece não ter efeito estrogênico.

Efeito cardiovascular: Preparações de Angelica Sinensis utilizadas em diversos trabalhos científicos Com animais de laboratório, demonstram que esta erva tem efeito de abaixar a pressão arterial, e em animais com arteriosclerose artificial alimentados com a erva tiveram diminuição das placas.

Efeito anti-anêmico: Preparações injetáveis de Radix Angelica Sinensis foram efetivas em aumentar o hematócrito, tanto de pacientes com anemia perniciosa quanto de animais laboratório com anemia megaloblástica induzida experimentalmente.

Efeito no Fígado: Camundongos que receberam Radix Angelica Sinensis misturada em sua ração desenvolveram aumento do consumo de oxigênio no Fígado. Em outro estudo a erva protegeu o Fígado de ratos contra hepatite experimental causada por tetra-cloreto de carbono.

Efeito antibiótico: Decocção de Radix Angelica Sinensis possuem ação inibitória “in vitro”, Streptococus sp, Shigella sp e muitas outras bactérias.

Efeito sedativo: Extratos de Radix Angelica Sinensis produzem sedação em experimentos com animais de laboratório.